Carregando...
Jurídico

O que fazer quando for acusado de um crime que não cometeu

Pessoa sendo presa injustamente

Ser acusado por algo injustamente é uma das piores coisas do mundo que poderia acontecer com alguém, mas isso se torna ainda mais grave quando se é acusado de um crime que não cometeu. Infelizmente, essa é uma realidade que acontece com muitas pessoas ao redor do mundo, inclusive aqui no Brasil. 

A falta de informação sobre o que é preciso fazer quando algo assim acontece é o que torna a situação ainda pior, visto que muitas pessoas não sabem como devem proceder e acabam até mesmo sendo presas por não conseguirem provar que realmente são inocentes. Enquanto o verdadeiro culpado goza de total liberdade solto pelas ruas. 

Essa é uma situação bastante preocupante e que precisa começar a ser evitada imediatamente, a fim de evitar que mais pessoas inocentes paguem por crimes e recebam acusações sem nenhum embasamento. 

E se você está passando por este tipo de problema, ou conhece alguém que está e não sabe o que fazer para ajudar e para provar a inocência, veja neste artigo algumas dicas que podem te ajudar a descobrir qual é a maneira correta de proceder neste tipo de circunstância para provar que alguém cometeu um erro ao fazer essa acusação tão grave.

Em que situações posso ser acusado inocentemente

Existem muitas razões que podem fazer alguém ser acusado injustamente de um crime que não cometeu, e o primeiro passo para provar a inocência é reconhecer o porquê essa acusação injusta aconteceu. Veja agora quais são alguns dos motivos que podem levar a ocorrência desse tipo de caso:

  • Identificação falsa: acontece quando uma testemunha identifica erroneamente uma pessoa como sendo aquela que cometeu um crime;
  • Má conduta oficial: acontece quando um promotor ou oficial abusam de poder para condenar alguém inocente;
  • Erros da polícia forense: pode acontecer quando os métodos científicos aplicados nas provas falharem por alguma razão;
  • Informantes coagidos: acontece quando um informante é coagido a dar informações falsas a respeito de um crime.

Claro que podem acontecer muitas outras coisas para alguém ser acusado de um crime que não cometeu. Mas todos os tópicos mencionados acima são os mais comuns, ou seja, são os principais motivos que podem levar alguém a ser acusado injustamente. Alguns deles são mais fáceis de serem explicados e resolvidos do que outros. 

O que fazer nesses casos?

Se alguma das situações acima for a que aconteceu com você para ser acusado injustamente, veja a seguir algumas orientações importantes que você deve seguir para conseguir se livrar dessa situação crítica.

Procure um advogado criminal

Muitas pessoas pedem por um defensor público quando são acusadas injustamente de algo, mas o melhor a se fazer é procurar por um advogado criminal, dado que ele é especialista neste tipo de situação e te ajudará a resolvê-la da melhor maneira possível.

Este tipo de advogado irá avaliar todo o caso e te auxiliará a encontrar provas que provarão que você é inocente.

Prepare a defesa

Agora é o momento de preparar sua defesa junto de seu advogado. Para fazer isso, o primeiro passo é encontrar um álibi que comprove que você não estava no local do crime quando ele aconteceu. Este álibi pode ser qualquer pessoa que estava com você naquele momento.

Reúna provas

Quanto mais provas você e seu advogado forem capazes de juntar, mais fácil será provar a sua inocência. Então junte tudo que for possível, ligações, e-mails, vídeos de estabelecimentos, fotos, e tudo mais que conseguir. Fazer contato com algumas das testemunhas do crime e pedir que testemunhem a seu favor também será muito benéfico.

Siga as instruções do advogado

Siga à risca todas as orientações que seu advogado te passar e não mude nada do que combinarem antes de uma audiência ou de um julgamento. Lembre-se que ele é o profissional e que está fazendo apenas o que é melhor para conseguir provar sua inocência.

Ele também é capacitado para te ensinar qual é a melhor forma de se comportar perante o júri e em uma audiência no tribunal, como se vestir, o que deve e o que não deve falar, por isso ouça atentamente todas as orientações que ele te der e procure seguir tudo de maneira correta.

Jamais confesse algo que não fez

Tenha em mente que, em algum momento, algum oficial, seja ele policial, investigador, detetive ou promotor, irá tentar coagi-lo a se declarar como culpado. Eles farão você acreditar que essa é a melhor solução, e que será possível conseguir um acordo com o juiz se você fizer essa declaração.

Nunca caia nessa conversa e jamais admita ter feito algo que não fez. Caso a pressão seja extrema e você se sinta muito ameaçado pelo interrogatório dos oficiais, simplesmente pare de falar e peça pelo seu advogado.

Se seguir todas essas dicas e todas as orientações que o seu advogado criminal te passar, com certeza conseguirá livrar-se de todas as falsas acusações que sofreu e provará sua inocência com sucesso.