terça-feira, maio 28, 2024
Saúde e Bem Estar

Benefícios de fazer terapia – Quais são eles?

Quais são os benefícios de fazer terapia? Quais os benefícios da aromaterapia? Há muita desinformação sobre o que faz um psicólogo, assim como preconceitos que impedem as pessoas de pedir ajuda em caso de necessidade. A grande maioria ainda acha que ir ao psicólogo é inútil e que se você tem problemas, você mesmo pode resolvê-los.

Devido ao desconhecimento desta profissão no imaginário comum, as pessoas que vão ao especialista sofrem de graves doenças mentais, estereótipos e falsas crenças, que nos fazem temer o julgamento dos outros por exemplo “não quero ir ao psicólogo senão todo mundo vai pensar que eu sou louco’’.

Na realidade, as coisas não são assim, você pode contar com a figura do psicólogo em momentos particulares de sua vida, você pode trilhar um caminho útil para si mesmo, explorar e aprender a administrar melhor sua vida, aprendendo a ver as dificuldades sob uma outra perspectiva.

Não somos perfeitos e um especialista pode nos ajudar a analisar nossos erros para nos ajudar a não repeti-los, levando-nos a uma existência mais tranquila. Leia conosco e conheça os verdadeiros benefícios de fazer terapia. Vamos lá, leia com a gente!

Quando é útil ir ao psicólogo?

Devo ir ao psicólogo? É uma questão muito difundida, às vezes surge quando a pessoa não consegue dar sentido ao seu sofrimento, ou quando o seu comportamento parece incompreensível para si mesmo ou para os outros. Outras vezes se torna uma pergunta retórica que acaba por atrasar e adiar o pedido de ajuda qualificada.

Às vezes, acredita-se que com o tempo as coisas podem se consertar, que você será capaz de encontrar uma solução por conta própria. Mas e se isso não acontecer? E se, por outro lado, os problemas e a dor que eles acarretam aparecerem ainda mais fortes? Se o sofrimento se torna um pano de fundo da nossa vida?

Esses são os casos em que não é bom pensarmos em nos virar sozinhos e continuar esperando, mas o mais saudável é tomar a situação em mãos, entrar em contato com um especialista, como escolheríamos fazer se o motor do nosso carro estivesse emperrado e não nos permitisse continuar o nosso caminho.

Se você está passando por um período de bloqueio, de mal estar, é normal querer cuidar da saúde mental tanto quanto é normal ir ao médico pela saúde física.

A auto convicção de ser capaz e ter que fazer você mesmo pode se tornar contraproducente e corre o risco de agravar a situação em vez de ser capaz de realmente resolvê-la.

Por exemplo, é muito comum ir a um psicólogo para ansiedade, antes que ela afete a qualidade de vida de uma pessoa, um especialista pode realmente nos fornecer as ferramentas para lidar com isso e superar esse transtorno e suas causas.

Você pode decidir ir ao psicólogo por diferentes motivos, tanto relacionados a um mal estar emocional quanto ao desejo de melhorar e aumentar o bem-estar psicofísico. Você não precisa estar deprimido, triste ou ansioso para decidir ser acompanhado por um psicólogo.

Às vezes você vai ao especialista apenas para conversar e pedir opiniões sobre sua vida ou como resultado de necessidades de orientação, ou para poder nos direcionar para um estado de maior serenidade e tranquilidade.

Por que e quando ir ao psicólogo?

O psicólogo não trata apenas de transtornos psiquiátricos, mas pode intervir em diferentes esferas da vida da pessoa, onde essa pode encontrar pequenas ou grandes dificuldades a enfrentar. Não há nada de errado em recorrer a um profissional se estamos passando por uma situação que compromete nossa satisfação e crescimento pessoal.

Assim como o mecânico é especialista no funcionamento do nosso carro, o psicólogo conhece os mecanismos do funcionamento psíquico e as dinâmicas relacionais capazes de facilitar o gerenciamento dos problemas.

Como, então, podemos entender se precisamos de um psicólogo?

Resumindo, as circunstâncias para recorrer aos benefícios de fazer terapia e a um psicólogo podem ser um sofrimento psíquico que afeta as esferas de nossa vida e não pode continuar a ser ignorado ou o desejo de melhorar, crescimento pessoal com o objetivo de alcançar um bem-estar psicofísico superior.

As situações específicas em que é aconselhável entrar em contato e ir ao psicólogo são:

  • Se você não conseguir resolver um problema e encontrar benefícios com os conselhos de parentes ou amigos;
  • Se você sente que quer melhorar seu caráter e personalidade;
  • Melhorar a consciência de si mesmo, dos outros e da própria esfera familiar, sentimental e social, aumentando o seu potencial;
  • Se deseja seguir um caminho de crescimento pessoal e interior;
  • Sair de situações de impasse/bloqueio, de crises temporárias;
  • Restaurar o equilíbrio, um nível certo de autoestima, ter um humor mais estável;
  • Diante de um momento de mudança na vida como de cidade, casa, trabalho, divórcio, maternidade, etc., o psicólogo pode dar suporte para superá-lo de forma construtiva;
  • Em caso de luto e eventos traumáticos;
  • Entre outras situações.

Esperamos ter ajudado você a compreender os benefícios de fazer terapia. Ainda possui alguma dúvida? Comente abaixo que vamos lhe ajudar a compreender mais sobre o assunto. Até a próxima!